Instituto Jonia Ranali

Instituto Jonia Ranali
Instituto Jonia Ranali

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Pequena digressão em torno da Psicanálise

E sua aplicação em nossas vidas através do Curso Livre de Formação em Psicanálise Online

Um sábio disse um dia: “Não há homens perfeitos neste mundo; só intenções perfeitas”.
Quando Jonia Ranali começou a trabalhar como psicanalista – depois de passar por duas formações em Psicanálise – e acompanhando seu trabalho com as devidas supervisões, rápido deu-se conta de que algo faltava.

A teoria de Freud está perfeita, ela comprovava os trabalhos de Melanie Klein e dos psicanalistas da segunda geração, e seguia os passos de Lacan no que se refere a expandir a Psicanálise, através dos cursos que desde cedo começou a ministrar.

Quando passou por sua análise individual, fez algo que realmente achou muito bom: anotou em totalidade todas as interpretações que lhe foram dadas.

Já no início do seu trabalho, verificou que as mesmas eram precárias e começou a ampliá-las, criando novas conscientizações que lhe traziam um adiantamento considerável ao tratamento de seus pacientes, junto com mais segurança aos mesmos.

Mas, ainda algo faltava, e novamente ela foi atrás, e descobriu em seminários e em leituras mais atuais, junto com a observação de seus pacientes que falavam coisas que não pertenciam à sua infância, a necessidade de com eles trabalhar a vida intrauterina, pois desde a concepção já gravamos emoções.

Daí pra frente não mais parou de fazer experiências que pudessem beneficiar seus pacientes, anotando-as sempre. Surgiu, então, a sua Apostila de Modernas Técnicas Psicanalíticas, que Jonia está transformando em livro, e também um novo livro que por enquanto chama-se “Você consegue mudar o mundo”, no qual ela explica amplamente como mães e pais devem cuidar de seus rebentos desde o momento da comprovação da gravidez, para que sejam bons, honestos, e consigam todas as realizações que seus pais para eles almejam.

Parece utopia, não? Mas funciona.
Como diz Franz Victor Rudio, em seu pequeno livro Introdução ao Projeto da Pesquisa Científica: “Não só o que é comprovado pela ciência faz parte dela, mas também suas pesquisas”.

As pesquisas de Jonia Ranali já são hoje amplamente comprovadas por ela, seus pacientes e, e agora está realizando um sonho: passar tudo isso ao mundo através de um Curso Livre de Formação em Psicanálise Online.
Uma excelente viagem a vocês, dentro dessa atualíssima Psicanálise, através desse Curso.

A lenda das alianças

Esse anel, aliança, surgiu entre os gregos e os romanos, provavelmente vindo de um costume hindu de usar um anel para simbolizar o casamento. Os romanos acreditavam que no quarto dedo da mão esquerda passava uma veia (veia d'amore) que estava diretamente ligada ao coração, costume carregado culturalmente até os dias de hoje.

No início a aliança era tida como um certificado de propriedade da noiva, ou de compra da noiva, indicando que a mesma não estava mais apta a outros pretendentes. A partir do século IX a igreja cristã adotou a aliança como um símbolo de união e fidelidade entre casais cristãos.

Muitas crenças nasceram então, como exemplo o fato de que os escoceses dizem que a mulher que perde a aliança está condenada a perder o marido.

Ampliando conhecimentos através da Psicanálise


O tempo urge, a modernidade toma conta dos espaços vazios, e aqui estamos dentro da necessidade de ampliar os conhecimentos até aqui existentes.
Estamos na era do lixo reciclável, e o mundo nunca esteve tão belo. Existem crimes, assaltos, acidentes, mas sua proporção comparada com as boas coisas que estão sendo introduzidas, é mínima. A nossa sociedade saiu do seu período de latência e desabrochou, conectando, pela globalização que empolga o mundo, o viver de todos os povos, numa aproximação de gentes de hábitos e procedimentos contraditórios. Essa transformação vem colocando em polvorosa o mundo moderno, alterando emoções e vivências.

E, para acompanhar esse delicado processo, necessitamos de novos temas, de novas palestras, de novos conhecimentos através das aulas do nosso Curso Livre de Formação em Psicanálise online, que estamos iniciando e principalmente de algo pelo que o mundo grita: “Quero, preciso, saber o por que de tantas emoções descontroladas, em mim e em outras pessoas”.
A experiência das transformações e da difusão desse conhecimento através de palestras e de nosso Curso acima citado é extremamente enriquecedora. Nosso intuito é alcançar com ele o maior número de pessoas, para respondermos seus questionamentos, e submersos nessas considerações abordamos conceitos os mais diversos que possam sanar suas dúvidas e sede de saber as causas dos misteres da vida.
Como pano de fundo gostaríamos de trazer a vocês uma consideração essencial para o conhecimento do emocional.

Quando André Green – psicanalista frances - foi questionado sobre o que haveria “de novo” para o conhecimento do emocional, respondeu “Freud”. É uma resposta que dá o que pensar, pois Freud foi o criador da Psicanálise, que explica a razão dos nossos problemas emocionais. Essa ciência tem, mais ou menos, 120 anos de existência no mundo e 75 anos, no Brasil.
Faço a ligação da fecunda obra de Freud com o avanço da contemporaneidade na tentativa de explicar o que os seres buscam.

JONIA RANALI